PiPplware 4.2

 

É com enorme prazer que anunciamos o PiPplware 4.2 !

Esta versão, tal como a anterior, centra-se principalmente numa pequena actualização dos componentes que integram o PiPplware, e tb a adição de duas novas opções de arranque. Ainda não tem um Raspberry Pi ? Aproveite e encomende já o nosso Kit Pplware, com todo o material necessário e com o PiPplware 4.2 pronto a usar.

pipplware4.2

A principal novidade é a actualização do Kodi para a versão Isengard 15.1. Podem consultar as novidades/diferenças aqui. Esta versão do Kodi do PiPplware foi tb optimizada, estando agora ligeiramente mais rápida. Foram também adicionadas duas ou três opções novas no RPi, como por exemplo suporte a descodificação DTS-HD (e outros formatos “lossless”) para PCM assim como suporte a vídeos 3D MVC (codificação de video multi-vista).

kodi15.1

Outra das principais novidades é a actualização do RetroPie para a versão 3.0. Em relação ao RetroPie 3.0 RC 1 do PiPplware 4.1, mais alguns emuladores são incluídos como por exemplo NeoGeo Pocket, Wonderswan, Dragon 32/TRS-80 bem como mais emuladores para consolas que já existiam. Foi também adicionado o jogo Super Mário Wars aos Ports instalável em Settings -> RetroPie Configuration -> Experimental e também um Virtual Gamepad que permite transformar um dispositivo móvel como um smartphone, tablet, etc num joystick/gamepad para jogarem os vossos jogos. Podem consultar todos as novidades do RetroPie 3.0 aqui e aqui.

retropie3

O PiPplware 4.2 tem agora duas novas opções de arranque, que podem seleccionar logo após a instalação ou posteriormente no Emulation Station -> Setttings -> Change Boot. O modo Kiosk, em que no arranque o PiPplware carrega um ambiente de trabalho mínimo (OpenBox) e abre o browser Chromium, com uma página web à escolha. Este modo é útil para por exemplo lojas comerciais e cafés onde os clientes podem navegar na Internet, ou então apenas como apresentação da sua empresa, página web, etc.

kioskmode2

A outra nova opção é o modo Thin Client, útil para a usar o Raspberry para controlar ou ter acesso a programas noutras máquinas, remotamente. Neste caso no arranque é carregado o ambiente de trabalho OpenBox mais o programa Remmina, onde poderá fazer ligações a outras máquinas através de vários protocolos como RDP, VNC, NX, etc com a opção de usar uma ligação encriptada para maior segurança. Este modo pode ser extremamente útil para reduzir custos em empresas com vários operários, uma vez que um computador pode ser substituído por um Raspberry e ligado a um servidor/máquina central, dependendo do caso.

screen15

O PiPplware 4.2 é baseado na ultima versão do Raspbian (2015-05-05) com todos os updates até a data. O Kernel foi actualizado para a versão 4.1.6, assim como o firmware, portanto mais alguns dispositivos são suportados “out-of-the-box”.

 

Actualização:

O processo de actualização é o costume, basta executarem o “Update System” no menu “Settings” do Emulation Station.

Alternativamente podem actualizar o PiPplware executando o seguinte comando num terminal:

sudo update-system

Notas:

  • Caso tenham uma versão anterior à 4.1, é necessário executar o update mais que uma vez, as versões são actualizadas uma de cada vez.
  • Dependendo de vários factores, como versão do RPi, velocidade da internet, há quanto tempo não é executado uma actualização, etc, o tempo de actualização pode variar de 5 minutos a 1 hora pelo que é recomendado paciência.
  • Caso actualizem pelo terminal, devem fechar o Kodi antes de efectuarem o update!

Download:

PiPplware 4.2

Changelog

 

4 thoughts on “PiPplware 4.2

  • Boas, os meus parabéns por este excelente trabalho.
    A minha duvida é a seguinte. Ao actualizar via setings é necessario fazer backup do Kodi ou do RetroPie?
    Obrigado Abraços.

    • Não é necessário, mas convém ter sempre um backup dos seus dados, não vá alguma coisa correr mal.
      Para isso pode usar o opção disponível no Emulation Station -> Settings -> Backup Settings.

  • passei por aqui agora e vi que o meu comentário a agradecer a ajuda não estava aqui. Ups

    mas ainda vou a tempo.
    Obrigado Diogo Santos. :)

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *